Logo BrazilLAB Logo BrazilLAB
GovTech Portugal Inovação Governo Setor Público Startups

Robôs, alimentos saudáveis e biomateriais: conheça as soluções premiadas em concurso de GovTech realizado em Portugal

25/10/2018

Governo português distribuiu milhares de euros em prêmios para startups que apresentaram soluções inovadoras. Veja aqui como foi

As iniciativas de incentivo a GovTech estão se espalhando pelo mundo. Agora foi a vez de Portugal promover um concurso para eleger as soluções mais inovadoras nesse setor. Criadas por startups, essas soluções deveriam atender pelo menos um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) estabelecidos pela ONU, numa resposta aos desafios que surgem no país e no mundo.

O programa foi lançado no início de 2018 e o júri foi composto por 45 especialistas, que avaliaram dezenas e dezenas de propostas (113, ao todo). As escolhidas levaram prêmios de 30 mil euros.

Além disso, os projetos receberão apoio do Estado para desenvolver e testar os produtos ou serviços, além de apoio à internacionalização. As soluções vencedoras foram Informat, Vida Saudável para Todos e Bio2skin.

Conheça agora cada uma delas:

 

Robô com consciência ambiental

O primeiro selecionado foi o projecto Informat - Intelligent Forest Management Technologies, que recebeu 12 votos. Trata-se de um sistema robotizado com funcionamento semiautônomo que cria aceiros (faixas de terra desbastada para impedir a propagação de incêndios) e limpa terrenos florestais.

De acordo com um comunicado do ministério da Presidência e da Modernização Administrativa de Portugal, o projeto “irá permitir um maior aproveitamento dos recursos humanos, melhorar as condições de trabalho dos operadores florestais, melhorar a eficiência e rapidez dos trabalhos de limpeza e reduzir o seu custo".

Saiba mais sobre a Informat neste link.

 

Salicórnia para todos

A segunda solução escolhida foi o projeto Vida saudável para Todos, que contou com oito votos. Trata-se de uma iniciativa da empresa OceanGlamour cujo objetivo é tornar mais acessível um produto chamado salicórnia. Caso você nunca tenha ouvido falar, não se preocupe: a planta ainda é bem pouco conhecida.

Mas os benefícios da salicórnia (também conhecida como sal verde) são vários. Ela surge principalmente como alternativa saudável ao sal, cujo consumo mundial é um problema grave. Ao substituí-lo, a salicórnia ajuda a evitar as complicações derivadas desse consumo excessivo, como o acidente vascular cerebral (principal causa de morte em Portugal), a hipertensão, as doenças cardiovasculares etc.

O acesso mais fácil ao produto será garantido pelas patentes obtidas pela empresa criadora do projeto.

Saiba mais sobre a Vida Saudável para Todos neste link.

 

Nanotecnologia para aplicações médicas

A terceira solução vencedora do concurso de GovTech de Portugal foi o Bio2skin, com sete votos. Trata-se de um biomaterial adesivo que, baseado em nanotecnologias para aplicações médicas, evita problemas na pele, como dermatites.

Cada uma dessas soluções responde por não somente um desafio enfrentado pelo poder público português, mas por governos em todo o mundo. Por isso, iniciativas como esta e como o programa de aceleração do BrazilLAB tornam-se mais e mais necessárias, uma vez que a inovação é o caminho para serviços públicos cada vez melhores.  

Saiba mais sobre a Bio2skin neste link.

Saiba mais sobre o programa GovTech Portugal neste link.

Veja Também:

Inovação no Setor Público Jurados do Brasil e do Vale do Silício selecionam 4 startups para Programa de Impacto da BayBrazil

Jurados do Brasil e do Vale do Silício selecionam 4 startups para Programa de Impacto da BayBrazil

As quatro selecionadas receberão mentorias com engenheiros, desenvolvedores de produto, designers e administradores que vão ajudar startups em seus desafios

Inovação no Setor Público GovTechs e a digitalização no Setor Público: veja o evento organizado pela KPTL com apoio do BrazilLAB

GovTechs e a digitalização no Setor Público: veja o evento organizado pela KPTL com apoio do BrazilLAB

O evento foi o primeiro da série que será realizada por KPTL, Cedro Capital, BrazilLAB e Colab;

Inovação no Setor Público Exame: Quando começar e como avaliar impacto? O caso do BrazilLAB

Exame: Quando começar e como avaliar impacto? O caso do BrazilLAB

Confira artigo escrito por Leandro Pongeluppe, pesquisador do Insper Metricis, conta um pouco do nosso caminho para a construção de uma avaliação de impacto do BrazilLAB