2 Filmes do Netflix para empreendedores com propósito e de alto impacto - BrazilLAB
PT EN
Dica Filme Empreendedor Impacto Inovação

2 Filmes do Netflix para empreendedores com propósito e de alto impacto

28/07/2017

Selecionamos dois filmes que os empreendedores que não abrem mão de seu propósito e buscam, através de suas soluções, terem um alto impacto no setor que atuam e na sociedade.

Selecionamos dois filmes que os empreendedores que não abrem mão de seu propósito e buscam, através de suas soluções, terem um alto impacto no setor que atuam e na sociedade.  

 

1.       Fome de Poder (McDonalds):

O filme não aborda somente sobre a história de umas das maiores redes alimentícia do mundo, mas também conta em seu roteiro o empreendedorismo como condutor de toda história. Nesse sentido, é possível observar três grandes aspectos de Ray Kroc.

Persistência: Pode não se concordar com todas as suas atitudes, mas Ray Kroc é um exemplo de persistência e vontade de ter sucesso na vida. Ele já havia tentado empreender de diversas formas e viu no restaurante dos irmãos McDonald a grande oportunidade de ser o dono da marca e mudar de forma definitiva o mercado alimentício. Desistir de situações difíceis é uma opção fácil, mas com a capacidade de tolerar a frustração, pode-se criar um caminho para o sucesso.

Fazer alguns sacrifícios: Para as franquias começarem a funcionar, tanto os irmãos McDonald como Ray Kroc precisaram negociar e abrir mão de muitas coisas que eram importantes pra cada um. Os irmãos McDonald recusaram ou adiaram muitas ideias e exigências de Ray Kroc, como usar leite em pó, fechar exclusividade com a Coca-Cola, renegociar vários termos contratuais, entre outros aspectos. Em vez de desistir e aceitar todos os “nãos”, Ray Kroc tolerou a frustração momentânea e buscou caminhos alternativos para ampliar sua representatividade na sociedade da marcar e enfim acabou controlando o gigantesco império alimentício.

Identificar oportunidades naquilo que já é conhecido: A rede de McDonalds foi pioneira no formato alimentício de fast food identificando oportunidades de melhorias na eficiência e de padronização de sua linha de montagem. Os irmãos Mac e Dick McDonald exploraram um novo modelo de negócio levando o conceito de linha de montagem de Henry Ford para carros e aplicaram aos negócios de hambúrguer. O filme consegue abordar essa mudança de uma forma muito clara quando os irmãos junto à sua equipe desenharam com giz toda a linha de produção e de venda em uma quadra de tênis. Eles realizaram testes com a simulação da movimentação de sua equipe no layout desenhado e se certificavam de que a velocidade não afetaria os padrões de qualidade, desde a limpeza, textura dos milkshakes até o número de picles por sanduíche.

 

 2.       Até o Último Homem: 

O filme é sobre a história real de Desmond Doss (Andrew Garfield), que se alista em plena Segunda Guerra Mundial após perceber o grande sacrifício de muitos soldados e o impacto da falta deles em suas famílias. Porém com a postura como Objetor de Consciência, ele tinha a plena convicção de que seu papel não era de tirar mais vidas e sim de salvá-las atuando como médico militar e sem portar armas. Ao longo do roteiro do filme que se baseia na atuação das tropas americanas em Okinawa e a tomada de territórios sob dominação japonesa, o filme trata de pontos essenciais para todo ser humano como:

Resiliência: Desde ser aceito para servir nas forças armadas e passar pelo treinamento militar, Desmond muitas vezes é agredido, nada respeitado pelos outros soldados e é pressionado por seus superiores para desistir de ir para a guerra. Ele não desiste e é apenas no final do filme que se entende como um soldado poderia ser útil na guerra sem carregar uma arma.

Propósito: Mesmo com todas as pressões e falta de crédito ao longo do treinamento, é no campo de batalha que Desmond permanece mesmo quando o exército americano é obrigado a recuar. Desarmado, sem apoio dos demais soldados e fugindo do exercito japonês, ele busca por sobreviventes incontrolavelmente e salva 75 homens entre americanos e japoneses. Desmond tinha muito claro o que ele queria fazer em meio de todo campo de batalha e não abriu mão de suas convicções, mesmo física e psicologicamente violentado.

Ser fiel aos seus valores: Desmond Doss sabia exatamente aquilo que deveria fazer e não negociou em nenhum momento seus valores. Muitas vezes foi ferido, humilhado e arriscou sua vida para não abrir mão daquilo que acreditava. Se ele tivesse aceitado pegar em uma arma e/ou mudado o seu objetivo de salvar vidas, é bem provável que a história teria sido abordada de outro ângulo.

 

Veja Também:

Inovação e empreendedorismo no setor público são temas de evento gratuito do BrazilLAB

Realizado pelo BrazilLAB, encontro reunirá startups, governo e academia no Google Campus

O que vem por aí? As propostas de candidatos à presidência que se apresentaram no GovTech Brasil

No encerramento da convenção, cinco presidenciáveis subiram ao palco para compartilhar suas visões sobre inovação no setor público. Confira aqui um resumo de cada um

GovTech Brasil: de acordo com especialistas, a inovação na segurança pública é “para ontem”

Especialistas reuniram-se em São Paulo para debater desafios e soluções para a área. Veja agora os destaques desse encontro