César Hidalgo, do MIT, fala da importância da inovação para governos mais transparentes e abertos - BrazilLAB
PT EN
Logo BrazilLAB
CéSAR HIDALGO INOVAçãO

César Hidalgo, do MIT, fala da importância da inovação para governos mais transparentes e abertos

28/04/2016

Expoente do exponencial Media Lab, um dos mais inovadores centros de estudos do conhecimento do Instituto de Tecnologia

Cesar HidalgoExpoente do exponencial Media Lab, um dos mais inovadores centros de estudos do conhecimento do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, o físico chileno César Hidalgo ganhou renome por traduzir em gráficos engenhosos grandes massas de informação. Seu campo de estudo é ainda mais amplo. Em 2009, em parceria com o economista venezuelano Ricardo Hausmann, de Harvard, ele pôs de pé um índice para medir a complexidade econômica. Com um amplo conhecimento sobre a influência da tecnologia e da informações sobre a política e o desenvolvimento social, Hidalgo conversou com a equipe do Brazil Lab sobre a inovação dentro dos governos. Confira:

 1 – Você acredita que o investimento em inovação e empreendedorismo podem ser a chave para uma possível transformação social? 

Uma economia diversificada e mais sofisticada pode auxiliar no desenvolvimento de uma sociedade mais democrática e menos corrupta. A diversificação na economia gera uma descentralização de poderes econômicos e políticos, isto porque a diversidade implica em um número maior de atores influentes participando da economia (menor concentração de poder).

Avanços tecnológicos, por outro lado, ajudam a promover uma sociedade onde o processo de tomada de decisões é feito baseado em evidências, porque a indústria de alta tecnologia tem que depender e confiar na ciência para sobreviver. Logo, a diversificação e sofisticação da economia, através do desenvolvimento tecnológico, são importantes para alcançar instituições democráticas sólidas.

 

2 - Como podemos estimular a inovação dentro dos Governos? Como os empreendedores podem dialogar mais com o setor público?

Não existe formula mágica, existe sim, uma diversidade de canais que podem ser explorados. Um exemplo são programas governamentais que promovem incubadoras e apóiam pesquisas em universidades através de apoio a estudantes PhD, tanto localmente quanto no exterior. Programas que focam na educação técnica são também muito importantes. Há também um papel importante a ser feito pela mídia e subsidiado pelo governo.

Inovação, empreendedorismo, ciência e artes têm que fazer parte de nossas discussões diárias se realmente queremos que elas façam parte das nossas vidas. 

 

3 - Como o MIT Media Lab está atuando para fortalecer empreenderes que tenham em seu modelo de negócio propostas para a resolução de problemas sociais?

O Media Lab ajuda os empreendedores a desenvolverem suas idéias sem terem que se preocupar em um primeiro momento em buscar clientes. Às vezes, as melhores idéias são aquelas as quais o mercado não estará pronto dentro dos próximos dez ou vinte anos, é como pensar em PCs nos anos 70 ou em smartphones nos anos 90. Nós queremos que os empreendedores inovadores foquem nas tecnologias que eles estão desenvolvendo, não em correr atrás de clientes que futuramente irão a sua direção. 

Nós queremos que os empreendedores inovadores reflitam sobre matemática, genética ou algoritmos. Se eles não têm a liberdade para focar nos problemas que eles estão tentando solucionar, eles não criarão soluções robustas que sejam decisivas para o futuro.

Veja Também:

Programa de Aceleração Aceleração: startups visitam prefeituras e dão um importante passo para inovar na gestão pública

Aceleração: startups visitam prefeituras e dão um importante passo para inovar na gestão pública

Depois de “um banho de loja jurídico” sobre o setor público, empreendedores foram conhecer de perto os bastidores da administração municipal de cinco cidades

Programa de Aceleração Aceleração: no 2º módulo, empreendedores levaram um “banho de loja” jurídico e conversaram com gestores públicos

Aceleração: no 2º módulo, empreendedores levaram um “banho de loja” jurídico e conversaram com gestores públicos

Licitações, propriedade intelectual e direito societário foram os pontos abordados na segunda etapa da aceleração, que ainda contou com visita dos empreendedores a Prefeituras

Oportunidades BrazilLAB - Trabalhe Conosco

Oportunidades BrazilLAB - Trabalhe Conosco

Quer trabalhar com inovação GovTech, empreendedorismo e uma agenda positiva para o Brasil? O BrazilLAB está escalando!