ABStartups e Governo de SP lançam manual para ajudar governos a fazerem parcerias com startups - BrazilLAB
PT EN
Associação Brasileira de Startups Governo do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin Empreendedorismo Pitch Gov ABStartups

ABStartups e Governo de SP lançam manual para ajudar governos a fazerem parcerias com startups

09/04/2018

O anúncio foi feito pelo próprio Governador Geraldo Alckmin no Palácio dos Campos Elíseos, região central da cidade de São Paulo

Na última semana, a Associação Brasileira de Startups e o Governo do Estado de São Paulo lançaram um manual para auxiliar órgãos públicos do país a implantar o programa de parcerias com startups. O anúncio foi feito pelo ex-Governador Geraldo Alckmin, no Palácio dos Campos Elíseos, região central da cidade de São Paulo, durante a cerimônia de início das atividades do Centro Nacional de Referência em Empreendedorismo, Tecnologia Economia Criativa, do Sebrae-SP.

  • Faça parte do programa de aceleração do BrazilLAB. Saiba mais -->

A cartilha explica todos os procedimentos necessários para criar um programa como o Pitch Gov SP. A partir de agora, qualquer gestor público que tiver interesse em desenvolver um projeto semelhante, terá acesso a um passo a passo detalhado de como implementá-lo. O manual reúne, por exemplo, modelos de documentos, fluxo de ação, plano de trabalho, legislação pertinente, dicas para a seleção de startups, entre outros pontos.

O Pitch Gov é um programa de parcerias entre governo do Estado e startups para desenvolvimento de soluções tecnológicas inovadoras para os desafios da gestão pública. O apoio da ABStartups ao Governo do Estado de São Paulo a surgiu em 2015,e hoje o programa já conta com duas edições de sucesso, com mais de 500 soluções inscritas e resultados com impacto direto na vida da população.

O Poupinha, robô de atendimento virtual do Poupatempo que foi desenvolvido no âmbito do programa, já atende, em média, 18 mil pessoas por dia e já trocou cerca de 100 milhões de mensagens com os cidadãos. A novidade, agora, é que agentes públicos de todo o país poderão replicar a iniciativa de São Paulo, tendo a disposição documentos ferramentas para executar um programa do tipo.

Para o diretor superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano, além de difundir conhecimento, a cartilha é uma ótima oportunidade para outros órgãos públicos aproveitarem a experiência de São Paulo e iniciarem seus programas.

De acordo com o presidente da ABStartups, Amure Pinho, o lançamento do manual possibilita gerar um impacto que seja escalável a nível nacional, que é uma das missões da associação.

“Um ecossistema maduro tem como base a colaboração e a visão de longo prazo de todos. Faz parte da cultura das startups compartilhar os aprendizados, mas ver essa atitude do governo é incrível. O governo de São Paulo foi pioneiro em acreditar no impacto transformador das startups na sociedade novamente, mostra um exemplo a ser seguido”, afirma.

Centro Nacional de Referência em EmpreendedorismoCentro Nacional de Referência em Empreendedorismo

O ex-governador Geraldo Alckmin participou na semana passada da cerimônia de inauguração do Centro Nacional de Referência em Empreendedorismo, Tecnologia e Economia Criativa. O espaço é administrado pelo Sebrae-SP no Palácio dos Campos Elíseos, prédio histórico localizado na área central de São Paulo e cedido pelo Estado desde julho de 2017.

“Foram R$ 20 milhões de reais de investimento do Estado no edifício, que reabre em uma parceria com o Sebrae. O local será um espaço de referência para o empreendedorismo e economia criativa, atividades muito importantes para o território paulista. O prédio está totalmente restaurado e com acessibilidade”, destacou Alckmin. “A economia criativa é a que mais vai crescer, vai possibilitar a distribuição de renda, irrigar a economia, estimular a atividade empreendedora, a criatividade”, completou.

O projeto beneficiará cerca de 20 mil empreendedores e potenciais empresários por ano. Pensado de forma colaborativa, o Centro de Referência é um grande polo para empreendedores, startups, investidores, grandes empresas e governo. O local contará com salas de capacitação, coworking, processos de aceleração de startups e programas de open innovation para parceiros.

Fonte: Startupi

 

Veja Também:

Inovação e empreendedorismo no setor público são temas de evento gratuito do BrazilLAB

Realizado pelo BrazilLAB, encontro reunirá startups, governo e academia no Google Campus

O que vem por aí? As propostas de candidatos à presidência que se apresentaram no GovTech Brasil

No encerramento da convenção, cinco presidenciáveis subiram ao palco para compartilhar suas visões sobre inovação no setor público. Confira aqui um resumo de cada um

GovTech Brasil: de acordo com especialistas, a inovação na segurança pública é “para ontem”

Especialistas reuniram-se em São Paulo para debater desafios e soluções para a área. Veja agora os destaques desse encontro