PT EN
Logo BrazilLAB
google hub campus inovacao startup business negócio encontro palestra bate papo

O lançamento do Programa BrazilLAB 2017 tem data, local e tema definidos. Confira!

02/05/2017

Evento de lançamento do Programa de Aceleração BrazilLAB de 2017 terá debate com agentes do setor público sobre como aproximar Governo e Empreendedorismo

Já está tudo pronto para o evento de lançamento da 2ª edição do programa de aceleração BrazilLAB. Será no dia 10/05, uma quarta-feira, das 19h30 às 21h30, no Campus SP -- espaço físico criado pelo Google para estimular a troca de ideias e experiências entre startups e empreendedores. E que fica no coração da cidade de São Paulo: na Rua Oscar Porto, 70, no bairro do Paraíso. Ao lado da Av. Paulista.

 

Assim como aconteceu em 2016, aproveitaremos o lançamento para realizar debates sobre temas fundamentais para o setor. Neste ano, o assunto será "Empreendedorismo e Governo: Como esta parceria pode transformar o nosso país?". Ou seja, a palestra abordará um dos maiores desafios para qualquer empreendedor, que é a aproximação efetiva e frutífera com o setor público. Trata-se, inclusive, da concretização do propósito do próprio BrazilLAB, que é o de ser um hub de inovação para conectar empreendedores e poder público.

 

Para o encontro, já temos confirmadas as participações de Luiz Felipe d’Avila, Presidente do Centro de Liderança Pública, e de Filipe Sabará, Secretário de Assistência e de Desenvolvimento da Prefeitura de São Paulo e Denise Yagui, Diretora Executiva da Fundação Brava. O debate será mediado por Letícia Piccolotto, Founder do BrazilLAB.

 

O objetivo do evento é o de apresentar, aos empreendedores, o Programa de Aceleração, convidando-os a se inscreverem. Além, claro, de estimular a discussão sobre a necessidade e a importância de proporcionar inovação para o setor público.

 

Lembrando que, neste ano, o os desafios propostos aos empreendedores são os seguintes:

 

1 - Auxiliar no equilíbrio das contas municipais: Como soluções de tecnologia e inovação podem ajudar as prefeituras a reduzirem seus gastos e gerenciarem melhor seus custos? Como startups de fintech podem contribuir para solucionar o desafio de equilíbrio fiscal dos municípios? Como a tecnologia pode engajar o cidadão a acompanhar a saúde financeira de suas cidades?

2 - Estimular a interação entre cidadãos e municípios: Como as startups de comunicação podem orientar prefeitos e setor público para que utilizem canais digitais e mídias na promoção (de forma consistente) da visão para o desenvolvimento das cidades? Como a comunicação entre o governo e sociedade pode gerar impacto no desenvolvimento econômico e no orgulho cívico das cidades brasileiras?

3 - Incentivar a agricultura urbana: Como a tecnologia pode fomentar a agricultura urbana, diminuindo o custo dos alimentos, gerando empregos e melhorando a nutrição da população urbana?

 

Se sua startup desenvolveu ou está desenvolvendo algum produto ou serviço que se enquadre nesses campos, não deixe de participar. Caso seja selecionado, você participará, ao longo do programa, de quatro ciclos de atividades presenciais. Há mentorias especializadas, acesso a networking e a líderes públicos, participação em rodadas com investidores e oportunidades de contatos com a mídia.

 

Esperamos você lá!

Veja Também:

Novidades de Govtech: o que ler, ver e ouvir  para ficar por dentro de tudo que acontece

Novidades de Govtech: o que ler, ver e ouvir para ficar por dentro de tudo que acontece

Preparamos uma lista de portais, blogs e podcasts para você não perder nenhuma notícia importante ou oportunidade.

Facebook anunciou a criação de uma moeda digital livre da intervenção de governos. E agora?

Facebook anunciou a criação de uma moeda digital livre da intervenção de governos. E agora?

Anúncio da empresa de Mark Zuckerberg dividiu opiniões em todo o mundo.

Inovar ou desaparecer: BrazilLAB é destaque na IstoÉ Dinheiro

Inovar ou desaparecer: BrazilLAB é destaque na IstoÉ Dinheiro

Entenda como a criatividade do brasileiro possibilitará o desenvolvimento de novas tecnologias para o país