Logo BrazilLAB Logo BrazilLAB
Aceleração Programa de Aceleração Aceleração BrazilLAB Inscrições Aceleração

Mais startups, mais estados e mais países participantes: os resultados das inscrições do novo ciclo de aceleração do BrazilLAB

21/11/2019

Neste ano, recebemos mais de 900 cadastros. Em dezembro, serão divulgadas as 25 startups selecionadas.

Estão encerradas as inscrições para o Programa de Aceleração do BrazilLAB que acontecerá no início de 2020. E os resultados são animadores. Foram cerca de 300 startups aplicantes - um aumento de 11% em relação ao ano passado, quando registramos 265 inscrições. Ao todo, tivemos 900 cadastros de interessados. "São resultados expressivos e muito animadores. O aumento no número de inscrições comprova que os empreendedores compreenderam o potencial do impacto de se trabalhar com o setor público”, afirma Letícia Piccolotto, Founder do BrazilLAB.

O número de unidades federativas participantes também aumentou: as startups vêm de 23 estados e do DF. No ano passado, foram 22 estados representados, mais o Distrito Federal. São Paulo lidera as inscrições, com 35% das aplicações; o estado é seguido pelo RJ, com 10%. Ao todo, 91 cidades brasileiras estão representadas. 

Já em relação a startups estrangeiras, os números também melhoraram. Tivemos inscrições de seis países: Estónia, Colômbia, Finlândia, Argentina, Portugal e Índia. No ano passado, foram dois países. Para Letícia, “o aumento da participação de startups de fora do Brasil certamente agregará qualidade ao processo de aceleração”.

 

Maturidade das startups é outro destaque

No balanço geral das inscrições, outro aspecto chama a atenção: quantidade de startups que já venderam para governo, 25%. É um dado importante, que mostra que a pauta de govtech entrou de vez no radar de empreendedores do país. 

Por outro lado, registramos um dado negativo: a diferença entre inscrições de homens (82%) e mulheres (18%). Em relação ao ano passado, tivemos uma queda de 18% no número de aplicantes femininas. “É mais um indício da importância de se batalhar pela igualdade de gêneros no ecossistema empreendedor", defende Letícia.

 

Próximos passos 

A partir de agora, o programa seguirá o seguinte cronograma:

  • 26/11 - recebimento dos pitches das startups inscritas;
  • 18/12 - divulgação das 25 startups selecionadas;
  • 24/01/2019 - início da aceleração; 
  • 13/04 - DemoDay (06 startups aceleradas e 03 vencedoras).

E a premiação será a seguinte: 

Para o 1º lugar 

- Missão para o Vale do Silício em parceria com a BayBrazil, ONG que leva brasileiros para se conectarem com o pólo de inovação californiano;

- Investimento de até R$ 250 mil. 

Para as três startups vencedoras: 

- Assessoria jurídica para apoio em negociação com governos; 

- Participação em eventos para exposição da solução.

 

Você perdeu o prazo, mas também quer fazer parte da nossa rede?

O BrazilLAB vem buscando formas de facilitar a contratação de tecnologia pelo setor público. Além do programa de aceleração, criamos o Selo GovTech, que certifica startups como capacitadas e aptas a trabalharem e venderem para diferentes órgãos do governo. Ao ser aprovada no processo e obter o Selo GovTech, sua startups passará a fazer parte de uma rede de empreendedores que possuem soluções tecnológicas para diversos desafios dos governos. É uma forma de ingressar na nossa rede, mesmo tendo perdido o prazo de inscrição. 

Clique aqui e saiba mais.

Veja Também:

Inovação no Setor Público Artigo de Letícia Piccolotto no JOTA: Govtechs e as previsões do setor para 2021

Artigo de Letícia Piccolotto no JOTA: Govtechs e as previsões do setor para 2021

Relatório mostra que há 80 startups no Brasil que são consideradas GovTechs relevantes; confira o artigo da CEO do BrazillAB

Inovação no Setor Público Observatório de Inovação no Setor Público (OPSI) da OCDE publica estudo de caso do BrazilLAB

Observatório de Inovação no Setor Público (OPSI) da OCDE publica estudo de caso do BrazilLAB

O estudo de caso do OPSI relata a trajetória e destaca as principais iniciativas do BrazilLAB

Programa de Aceleração Conheça as 58 Startups e PMEs aceleradas pelo BrazilLAB no ano de 2020

Conheça as 58 Startups e PMEs aceleradas pelo BrazilLAB no ano de 2020

Em 2020, o BrazilLAB concluiu 3 ciclos de Aceleração, 2 DemoDays e acelerou 58 Startups e Pequenas e Médias Empresas (PMEs)