PT EN
Logo BrazilLAB
GovTech BrazilLAB Programa de Aceleração Startups UX Design UX

Aceleração: no 1º módulo, empreendedores mergulham no universo da experiência do usuário

24/01/2019

Palestras, mentorias, workshop e muita troca de ideias marcaram os primeiros dias do Programa de Aceleração do BrazilLAB

No dia 22 de janeiro, uma terça-feira, empreendedores das 32 startups selecionadas pelo Programa de Aceleração do BrazilLAB reuniram-se em São Paulo para o início dos encontros presenciais. O primeiro módulo teve como tema a experiência do usuário, ou UX Design. Foram dois dias de atividades intensas, com palestras, workshops, atividades práticas e muita, muita troca de experiências. “Essa troca, para nós, é incrível, não tem preço,” de acordo com Fernanda Getschko, da Mundo4D, startup dedicada à implantação da educação 4.0 no país.


--> Baixe a lista completa das Starups Selecionadas <--

O primeiro dia já foi bastante movimentado. Após uma sessão de integração entre os empreendedores, Guilherme Dominguez, Diretor do BrazilLAB, contou um pouco da história deste que é o primeiro hub brasileiro de inovação no setor público. E apresentou alguns números que sintetizam o trabalho até aqui: mais de 1.500 empreendedores interessados, 655 projetos inscritos e quase sessenta startups aceleradas. “É o que acontece quando reunimos boas pessoas em torno de boas ideias,” afirmou Guilherme.

 

GovTech para os novos tempos

A seguir, o arquiteto e urbanista Caio Vassão apresentou uma palestra provocadora e repleta de insights. Abordando conceitos como computação ubíqua (que está em todo lugar), ele explicou como as sociedades estão passando da economia pautada em produtos para aquela baseada em serviços.

“É uma transição filosófica de um mundo feito por objetos para um mundo feito de processos,” afirmou ele. Dentro deste novo contexto, as cidades se organizarão de forma mais distribuída, sem que a noção de “centro” prevaleça. E provocou os empreendedores: “como as suas propostas, as suas soluções, se encaixam neste cenário?”

Então, foi a vez de Mateus Braga, Diretor Executivo de Criação da agência de publicidade Isobar, apresentar-se. Com uma palestra intitulada “O Governo Também Pode ser Criativo”, ele compartilhou experiências do trabalho de comunicação que vem desenvolvendo para o governo federal.

“Da mesma forma que, no mercado, temos que identificar indivíduos e seus anseios, no governo é preciso conhecer e entender o cidadão,” afirmou ele. “Os serviços precisam ser citizen centric (centrados no cidadão). Devem ser facilmente acessíveis, transparentes, interativos”.

 

Liderança para quebrar os ciclos

Mas há entraves importantes nesse processo, lembrou Mateus. Um deles é a mudança que ocorre a cada quatro anos. "O que mais vemos são grupos políticos diferentes que chegam e mudam todo o trabalho que estava sendo feito até ali", afirmou.

Como quebrar esses ciclos? “Um bom exemplo é a Estônia, que hoje é exemplo de inovação no setor público”, lembrou Mateus Braga. Ele citou a apresentação do ex-presidente do país no evento GovTech Brasil de 2018 (assista à palestra completa clicando aqui).

Nela, Toomas Hendrik Ilves afirmou que o país só se transformou de fato porque houve vontade política -- o principal agente de comando liderou o processo de digitalização.

Após a palestra de Mateus Braga, as atividades da primeira etapa encerraram-se com um bate-papo entre os apresentadores e os empreendedores. “Foi um dia muito proveitoso,” afirmou Daniel Andrade, empreendedor da Avicena, que desenvolve tecnologias de gestão para a saúde. “As apresentações e as conversas agregaram muito para que nós reflitamos sobre o que estamos fazendo, sobre estarmos alinhados aos novos tempos. Agregou demais.”

 

Intensivão de UX Design

Aceleração BrazilLAB

O dia seguinte também foi muito proveitoso. Os empreendedores participaram de um workshop sobre UX Design comandado por Fábio Nuno e Marcelo Quinan, da empresa de estratégia e inovação NoOne. Foram oito horas de muito conteúdo e atividades práticas para que os participantes entendessem melhor do assunto -- que, afinal, é o que deve orientar o desenvolvimento de qualquer produto ou serviço, nos dias atuais.

Ao longo do workshop, Fábio e Marcelo estimularam os empreendedores a terem uma “visão maior da experiência, que vai muito além da tela do celular ou de um produto.” De acordo com eles, a mágica da experiência do usuário está na intersecção entre aspectos funcionais e de aspectos emocionais. E completaram: “para aprimorar a experiência que os usuários têm com as suas soluções, vocês devem se colocar no lugar deles, fazer o que fazem”.

 

SInergia, energia e aprendizado

O que acharam os participantes destes primeiros dias? “Gostei muito da sinergia entre os empreendedores e da energia dos mentores,” disse Sarah Fernn, da UniversiDados, sistema criado para reduzir a evasão escolar. “As atividades já me deram vários insights para a melhoria do negócio -- inclusive para o usuário, no sentido de entendê-lo, de melhorar a solução que oferecemos”.

E as expectativas para os próximos módulos do Programa são as melhores possíveis. Daniel Andrade afirmou que pretende aplicar 100% do que está aprendendo na solução da Avicena. “Por isso, queremos aprender muito -- principalmente com os outros empreendedores, saber quais saídas encontraram para vender inovação para o governo.”

Fernanda Getschko também está de olho nessas “saídas”. “Nós esperamos enxergar um caminho dentro do setor público,” disse Fernanda Getschko. “Hoje, estamos estabelecidos no setor privado, e é uma experiência completamente nova entender como funcionam os governos,” completou.

Veja Também:

Cidades Inteligentes Primeira startup de saúde público-privada do país gera economia,  otimiza atendimentos e recebe selo GovTech do BrazilLAB

Primeira startup de saúde público-privada do país gera economia, otimiza atendimentos e recebe selo GovTech do BrazilLAB

Criada em parceria com a Prefeitura de Penedo (Alagoas), a PGS Medical revolucionou o atendimento a pacientes crônicos da cidade com um modelo de contratação inovador.

ClimaTech: startup acelerada pelo BrazilLAB  recebe prêmio de plataforma global  de mobilização pelo meio ambiente

ClimaTech: startup acelerada pelo BrazilLAB recebe prêmio de plataforma global de mobilização pelo meio ambiente

Com a premiação, o empreendedor Osmar Bambini participou de uma missão na Dinamarca, um dos principais pólos de inovação e sustentabilidade do mundo.

A Indústria 4.0 já é realidade,  e vai revolucionar o setor de GovTechs

A Indústria 4.0 já é realidade, e vai revolucionar o setor de GovTechs

Com o avanço da Inteligência Artificial, da Computação Cognitiva e de outras inovações tecnológicas, automatizar é o caminho natural para aumentar a competitividade e a produtividade