PT EN
Logo BrazilLAB
Programa de Aceleração BrazilLAB Startups Selecionadas B2G Inovação no Setor Público GovTech

Aceleração 2018: conheça as startups selecionadas para o challenge de Segurança Pública e Cybersecurity

11/12/2018

Plataforma de chamadas de emergência digitais e solução de biometria facial estão entre as soluções escolhidas.

A segurança pública sempre esteve entre os maiores desafios de gestão no Brasil. O Índice de Progresso Social coloca o país como o 11º mais inseguro do mundo. Segundo o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, 17 das 50 cidades mais violentas do mundo são brasileiras, e o país tem mais homicídios do que 52 países da América do Norte, Europa, Oceania e Norte da África combinados.


--> Baixe a lista completa das Starups Selecionadas <--

No ambiente online, os dados também são preocupantes: o relatório Norton Cyber Security Insights mostra que, em 2016, 42,4 milhões de brasileiros foram afetados por investidas de hackers, e o prejuízo total no país por conta desses ataques chegou a R$ 32,1 bilhões.

Para responder a esses desafios, o BrazilLAB saiu em busca de soluções que possam contribuir com a melhoria da segurança pública no Brasil, e que coloquem o conceito de GovTech a serviço do combate a ataques cibernéticos. Conheça agora quais foram as empresas selecionadas para o challenge de Segurança Pública e Cybersecurity. 

 

SEGURANÇA PÚBLICA E CYBERSECURITY

Acesso Bio: solução de biometria facial desenvolvida pela Acesso Digital. A tecnologia gera um scorede autenticação biométrico que hoje está presente em 90% dos varejistas, 30% das telecoms, 90% das fintechs e 25% dos Bancos.

AiPlates: solucões analíticas que utilizam inteligência artificial para realizar a leitura de placas de veículos.

Lunix Inteligência em Energia: sistema que gerencia e direciona a iluminação pública. Ele atua de acordo com as informações geradas pelos sensores, como: movimentação de pedestres e veículos, bem como luminosidade local.

Nearbee: startup responsável pela plataforma "Emergência Digital", aplicativo para chamados emergenciais digitais que dispensa a necessidade de ligações. Com ele, o cidadão realiza chamados que enviarão informações relevantes instantaneamente, como localização, áudio e ficha médica.

Sirius App: aplicativo de comunicação que oferece proteção para a troca de mensagens em chats, documentos e áudios em smartphones. O objetivo é que ele substitua a troca de e-mails em dispositivos móveis.

 

Selecionamos as 33 Startups… E o que acontece agora?

Os empreendedores dessas startups terão meses de atividades intensas pela frente. De dezembro a março do ano que vem, eles vão receber mentoria e apoio de especialistas para desenvolver e validar seus modelos de negócio. Além disso, irão entrar em contato com gestores públicos, investidores e startups que já atuam em GovTech.

E em março de 2019 acontecerá o DemoDay, com algumas das startups que se destacaram durante o programa. O evento será aberto para a comunidade, e nele serão anunciadas as vencedoras, que receberão um contrato de investimento que pode variar de R$ 50 mil a R$ 200 mil, além de apoio do BrazilLAB para a implementação de um piloto de 180 dias gratuitos em governos parceiros.


--> Baixe a lista completa das Starups Selecionadas <--

Veja Também:

Cidades Inteligentes Mapa Para Simplificação: Endeavor mostra o caminho para cidades mais inteligentes e Fortaleza é exemplo de sucesso

Mapa Para Simplificação: Endeavor mostra o caminho para cidades mais inteligentes e Fortaleza é exemplo de sucesso

Manual orienta gestores públicos a reduzirem o tempo para a abertura e a formalização de empresas. E a capital cearense é um ótimo exemplo dessa transformação.

Global Summit da Singularity University:  os destaques da edição de 2019

Global Summit da Singularity University: os destaques da edição de 2019

Evento reuniu mais de duas mil pessoas no Vale do Silício para debates sobre liderança, transformação digital e tecnologias exponenciais. A Founder do BrazilLAB esteve lá e conta para você como foi.

Promovendo a inovação nos serviços públicos - Um artigo de Letícia Piccolotto, no JOTA

Promovendo a inovação nos serviços públicos - Um artigo de Letícia Piccolotto, no JOTA

A founder do BrazilLAB apresenta, neste artigo, os desafios a serem vencidos pelo Setor Público no caminho rumo à inovação.