Logo BrazilLAB Logo BrazilLAB
Força-Tarefa Covid-19 BrazilLAB GovTech B2G Startups PMEs Programa de Aceleração

Conheça as 9 Startups e PMEs que seguem para a Banca Pitch da Força-Tarefa Covid-19

18/09/2020

Próxima etapa da Aceleração acontecerá na quarta-feira (23/09) e definirá as Startups e PMEs finalistas para o DemoDay

O BrazilLAB recebeu 131 inscrições para o 1º Batch da Força-Tarefa Covid-19. Foram, então, selecionadas 15 Startups e PMEs em agosto deste ano. Após a conclusão dos módulos e mentorias on-line - que passaram por temas como experiência do usuário, aspectos jurídicos de serviços para governos e geração de impacto no setor público, entre outros -, os empreendedores selecionados concluíram a primeira etapa da Aceleração. Nesta sexta-feira, temos o prazer de apresentar as nove startups selecionadas para a próxima fase, que apresentarão suas soluções a uma banca de especialistas.

A Banca Pitch do BrazilLAB acontecerá no próximo dia 23 de setembro – e as nove selecionadas para essa fase terão 5 minutos para explicar do que se trata a sua solução, qual o seu modelo de negócio, como operam suas inciativas e quais oportunidades de inovação que oferecerão à prefeituras e demais órgãos de governo. Será o momento ideal para conquistar a atenção dos jurados e um espaço valioso no DemoDay da Força-Tarefa Covid-19 e, mais do que tudo, uma oportunidade de abrir os caminhos para a inovação de processos e serviços em todo o país.

 

Confira a lista das Startups e PMEs Selecionadas para a Banca Pitch:

 

Digitalização do Poder Público

Clicksign - Através da Clicksign, assinatura eletrônica e Fluxia by Clicksign, é possível transformar processos de formalização. Desde um documento comercial até ordens de serviço ou demais documentos públicos, como portaria e OSs. A Clicksign tem histórico comprovado de inovação e operacionalização de assinaturas tornando desnecessário o certificado digital, bem como a guarda de documentos em plataforma SaaS contextualizada e personalizada para os órgãos públicos.

Facilit Tecnologia - Por ser um conjunto de funcionalidades que melhoram a comunicação interna, a Plataforma Target gera mais produtividade e engajamento nos colaboradores e departamentos. Reduz o tempo perdido com reuniões improdutivas, institucionaliza as demandas virtuais, por meio dos encaminhamentos, e entrega diversas outras soluções para mitigar custos. 

MuniDigital - Startup argentina, com escritório também em Maringá (PR), que possui soluções que  permitem o gerenciamento de serviços públicos, monitorando os incidentes relatados por cidadãos e servidores através de aplicação móvel. A plataforma permite um controle integral de todo o processo de resolução do incidente, desde a reclamação até a conformidade. Graças a sua versatilidade e solidez, os usuários usam a ferramenta em uma ampla variedade de áreas, incluindo obras e serviços público, saúde, serviços sociais, inspeção e gestão ambiental.

Shopping do Cidadão -  Solução integrada de atendimento ao cidadão, que auxilia tecnologia de ponta para identificação do cidadão, facilidade de uso, simplificação de processos, integração com sistemas públicos, ampliando a capilaridade de atuação do poder público. O modelo integrado prevê o atendimento de forma híbrida (presencial e digital) conforme a necessidade e conveniência do cidadão. Com 12 anos de experiência em atendimento, entende as necessidades dos cidadãos e a melhor forma de ofertar os serviços públicos.

VU Security - Startup argentina que oferece uma plataforma de autenticação de identidade robusta e segura, que permite identificar um cidadão por diversos canais, como ferramentas de comunicação já conhecidas (Whatsapp e Telegram), além de integração por API e SDK. A plataforma também conta com reconhecimento facial contínuo que pode ser integrado em ferramentas de vídeo conferência como Zoom e Teams. Também dispõe de reconhecimento por voz, análise de geolocalização e de validação de RG e CNH com tecnologia de machine learning.

 

Educação

Árvore de Livros - Tem como propósito democratizar e disseminar o acesso à leitura de forma dinâmica, atualizada, sustentável e econômica, por todo o país através da flexibilidade da tecnologia. É a maior plataforma de leitura digital do Brasil, atuando em centenas de escolas e bibliotecas, com mais de 35.000 obras em nosso acervo. Oferece ferramentas de suporte pedagógico ao desenvolvimento do trabalho do professor e relatórios com dados de comportamento leitor. Além disso, disponibiliza função offline.

 

Inclusão Produtiva

Digital Innovation One - Plataforma gamificada de educação online com mais de 2.000 experiências educacionais em desenvolvimento de software entre cursos, desafios de codificação e projetos práticos onde toda comunidade de estudantes colaboraram entre si e as empresas tem acesso aos melhores talentos para recrutamento.

Lys Aprendizagem Simplificada - Curso à distância, totalmente via Whatsapp (presente em 95% dos lares). A "fábrica de conteúdo" desenvolve o plano de aula, com linguagem empática, motivacional e prática, com videos curtos (cerca de 3 minutos), incentivando que o jovem reflita e desenvolva projetos de vida. Sistema exclusivo envia os conteúdos de forma espaçada e individual, diretamente ao WhatsApp dos participantes, com atividades práticas e interação híbrida, via sistema e tutores humanos.

Taqe - A Taqe provê uma identidade profissional para o candidato, permitindo que: 1) empresas tenham critérios mais amplos e objetivos para realizar a triagem como perfil comportamental, habilidades, conhecimento, entre outros; 2) candidatos possam se diferenciar para as empresas e tenham acesso a diversas vagas a partir de um único processo seletivo. Por meio de testes interativos, o algoritmo da plataforma identifica o perfil dos candidatos para realizar o match com as vagas e cultura das empresas.

Veja Também:

Inovação no Setor Público Artigo de Letícia Piccolotto no JOTA: Govtechs e as previsões do setor para 2021

Artigo de Letícia Piccolotto no JOTA: Govtechs e as previsões do setor para 2021

Relatório mostra que há 80 startups no Brasil que são consideradas GovTechs relevantes; confira o artigo da CEO do BrazillAB

Inovação no Setor Público Observatório de Inovação no Setor Público (OPSI) da OCDE publica estudo de caso do BrazilLAB

Observatório de Inovação no Setor Público (OPSI) da OCDE publica estudo de caso do BrazilLAB

O estudo de caso do OPSI relata a trajetória e destaca as principais iniciativas do BrazilLAB

Programa de Aceleração Conheça as 58 Startups e PMEs aceleradas pelo BrazilLAB no ano de 2020

Conheça as 58 Startups e PMEs aceleradas pelo BrazilLAB no ano de 2020

Em 2020, o BrazilLAB concluiu 3 ciclos de Aceleração, 2 DemoDays e acelerou 58 Startups e Pequenas e Médias Empresas (PMEs)