PT EN
Logo BrazilLAB
Selo GovTech GovTech Empreendedores Inovação em Governo Inovação no Setor Público Certificação para Startups Startups

Selo GovTech: entenda como o BraziLAB quer conectar 2 mil empreendedores com o Setor Público

26/04/2019

Iniciativa chancela aplicação das soluções das startups para as diversas esferas de poder; Executivo, Legislativo e Judiciário poderão economizar recursos e ainda implementar soluções inovadoras para tornar os serviços públicos muito mais eficientes para os cidadãos

Contribuir para uma agenda de inovação e tecnologia no setor público brasileiro nunca foi tão importante. Neste contexto, o BrazilLAB apresentou nesta quarta-feira (24), em São Paulo, o Selo GovTech, iniciativa que busca conectar 2 mil empreendedores de todo o País com o objetivo de melhorar os serviços públicos e a participação cívica. O lançamento aconteceu durante o GovTech Conference, evento realizado em parceria com a Startse, que reuniu protagonistas globais que estão à frente da pauta de inovação e transformação tecnológica.

A fundadora do BraziLAB, Letícia Piccolotto, e o diretor Guilherme Dominguez apresentaram com detalhes o Selo GovTech do hub. “O Selo GovTech está se tornando uma das ações mais valiosas do BrazilLAB. A ideia é ampliar, com essa iniciativa, o portfólio de startups do hub, reunindo ainda mais empresas que podem solucionar desafios da gestão pública brasileira”, afirmou Letícia. “O Brasil tem um terreno fértil para ampliar a inovação digital. São os empreendedores que podem derrubar barreiras no governo e beneficiar quem está na ponta, o cidadão”, concluiu.

Guilherme e Vera

Lançado recentemente no DemoDay, evento que premiou algumas das principais startups do País, o Selo GovTech do BrazilLAB é uma certificação independente concedida pelo hub às startups. Ele foi criado com base nas experiências e conhecimentos da equipe ao longo de três anos de trabalho - além dos conselhos de consultores e especialistas externos que vêm contribuindo para a construção dos critérios desse processo.

A vantagem é que as startups que recebem o certificado passam a fazer parte de uma rede com acesso a diversas conexões e benefícios que apoiarão seu relacionamento com gestores e governos parceiros do BrazilLAB, abrindo novos caminhos para seus negócios e sendo opções seguras aos serviços públicos do país. As startups interessadas já têm acesso a uma plataforma de inscrição – www.selo.brazillab.org.br – e, após pagamento de taxa e aplicação por formulário com perguntas sobre a atuação da empresa, seguirão um procedimento de avaliação completo.

 

GovTech Conference

Guilherme e Vera

O evento recebeu a presença de diversos especialistas GovTech, que mapearam o cenário internacional em busca de oportunidades e caminhos para o Brasil. O dinamarquês Peter Kronstrøm, 40, diretor do Copenhagen Institute for Futures Studies para a América Latina, falou sobre a necessidade de a sociedade detectar macrotendências a curto prazo. “As novas plataformas digitais estão criando rupturas na sociedade. O governo precisa ter papel ativo passa utilizar essas tecnologias para o bem do cidadão”, destacou. “Há seis anos ninguém tinha ouvido falar de fake news. Hoje elas estão dominando o país”, alertou Peter.

O GovTech Conference contou ainda com palestras do Secretário Adjunto de Governo Digital, Ciro Avelino, o Procurador-Geral de Justiça, Dr. Eduardo Gussem e o Coordenador-Geral de Empreendedorismo Inovador do MCTIC, Sérgio Alves. Já Vera Monteiro, professora da FGV-SP, representou os mentores do BrazilLAB, enquanto Matheus Perereira, da 4MTI e Hamilton Alves, da Fábrica de Negócio - segunda colocada no DemoDay do 3º ciclo do Programa de Aceleração 2018 -, contaram sobre as suas experiências para a venda de solução para o governo.

Hamilton Alves contou como o Programa de Aceleração foi transformador na vida da Fábrica de Negócios – startup que desenvolve auditoria completa na folha de pagamento e combate de evasão fiscal de órgãos públicos. “Até então eu não fazia ideia do que era um programa de aceleração. Toda empresa precisa de apoio e foi através do BrazilLAB que conseguimos desenvolver a nossa ideia”, afirmou.

Veja Também:

Cidades Inteligentes Mapa Para Simplificação: Endeavor mostra o caminho para cidades mais inteligentes e Fortaleza é exemplo de sucesso

Mapa Para Simplificação: Endeavor mostra o caminho para cidades mais inteligentes e Fortaleza é exemplo de sucesso

Manual orienta gestores públicos a reduzirem o tempo para a abertura e a formalização de empresas. E a capital cearense é um ótimo exemplo dessa transformação.

Global Summit da Singularity University:  os destaques da edição de 2019

Global Summit da Singularity University: os destaques da edição de 2019

Evento reuniu mais de duas mil pessoas no Vale do Silício para debates sobre liderança, transformação digital e tecnologias exponenciais. A Founder do BrazilLAB esteve lá e conta para você como foi.

Promovendo a inovação nos serviços públicos - Um artigo de Letícia Piccolotto, no JOTA

Promovendo a inovação nos serviços públicos - Um artigo de Letícia Piccolotto, no JOTA

A founder do BrazilLAB apresenta, neste artigo, os desafios a serem vencidos pelo Setor Público no caminho rumo à inovação.